Como quase perdi dinheiro na manutenção do banheiro


Olá fiel leitor, hoje vou contar para vocês como quase perdi dinheiro na manutenção do banheiro do meu apartamento.

Contexto

Me mudei a menos de um ano para uma cidade vizinha, já devo ter comentado por aqui. Aluguei um apartamento, novinho, limpinho, todo bonitão. O banheiro tem aquecimento solar e tem uma ducha excelente. E foi no banheiro mesmo que notamos um pequeno defeito.

O problema

Até hoje eu não sei o nome da maldita peça. Mas é onde a gente torce para abrir o chuveiro. Maçaneta? Manete? Torneira? Sei lá. Nem o atendente da loja soube me explicar.

Enfim, a “maçaneta” (chamaremos assim aqui para simplificar) de um dos lados começou a espanar. Ou seja, a gente torcia/girava e o chuveiro não “abria” (saia água). Nas primeiras vezes eu abri e apertei o parafuso. O problema se resolvia, até a semana seguinte, quando eu fazia o mesmo processo.

A força-tarefa abre maçaneta-aperta parafuso-testa-fecha maçaneta ficou tão frequente que passei a deixar o alicate e a chave de fenda no banheiro, para facilitar. Tinha algo errado que não estava certo.

Depois de muito aperta-aperta resolvi largar de preguiça e investigar. Pequei a maçaneta e analisei, olhei bem. Daí que tive a brilhante ideia:

Dinheiro
Depois de jogar no google descobri: essa peça chama-se “torneira de chuveiro”. Meu dinheiro vai pra isso.

“Vou pegar a maçaneta do outro banheiro para testar. Se funcionar, eu isolo o problema.”

Fiz isso e constatei que, realmente, era a maçaneta em si (e não a peça metálica onde eu a encaixava) que estava com problema. Os “dentinhos” de dentro,  o forçavam a outra peça a girar, e assim abria o chuveiro, estavam gastos. Só trocando para resolver.

A solução

Como dito, a solução era a troca da peça. A peça, como você vê todos os dias no seu banheiro, é um artefato ergonômico metálico com umas partes de encaixe. Não deve passar dos surreais R$10,00 uma peça dessas.

Fui procurar e na primeira loja que entrei, pasmem os senhores, a peça custava R$44,00.

Dinheiro
Dono da loja de material de construção. Cheio de dinheiro.

Nesse momento eu sofri um mini acidente-vascular cerebral. Neguei veementemente e agradeci o vendedor.

A pesquisa de preços

Preocupado com os quarenta conto decidi que era hora de pesquisar  preços dessa peça. Sorte que na rua de cima tem vários comércios, e lojas de materiais para construção não faltavam.

Pensei que seria difícil, confesso. Onde vou arrumar essa peça? Em lojas de construção ou em lojas de serviços de hidráulica?

Logo eu, que não tem nem um ano ainda que me transformei em total responsável por uma casa. Experiência zero em ser marido de aluguel.

Ainda bem que os planetas estavam alinhados e, na segunda loja que fui (a primeira foi a careira) já deu certo. Lá tinha dessas peças e quase por metade do preço: R$25,00. Que alívio!

O desfecho

Comprei a danada da peça (mais um item extraordinário para o orçamento. Não tem um fucking mês que as coisas não saem como planejado… enfim, isso é assunto para outra postagem) e pus na mochila.

Cheguei em casa, fiz a troca, apertei o parafuso e voilá: funcionou perfeitamente! Me senti um mestre-de-obras.

Planilhando

Maçaneta de banheiro Deca: R$44,00
Maçaneta de banheiro paralela: R$25,00
Economia de R$19,00 ou 56%

Se não tivesse dado problema: economia de R$25,00, ou 100%! Aff.

Dica valiosa

Quero dar essa dica que aprendi. E quero a opinião de vocês:

Sempre que algum bem (automóvel, imóvel, computador, etc. etc. etc.) demandar manutenção, faça-a imediatamente. Não procrastine, não postergue a manutenção. Faça-a no dia, ou na mesma semana, ou o quanto antes.

Por que? Para não acumular. Imagine 2 anos de manutenção de um apartamento atrasada. Ia ser milhares de reais para uma reforma completa.

Tente sempre manter as coisas funcionais, com peças de qualidade e com a manutenção em dia. Isso evitará surpresas no futuro.

Conclusão

Amigos, é isso. Uma boa conclusão que podemos chegar é: sempre haverá gastos extraordinários. Sempre, sempre, sempre. Pode adicionar mais uma linha na sua planilha de gastos. Sempre serão 100 ou 200 reais a mais para esse tipo de situação.

Espero que tenha aprendido lendo esse post, como eu aprendi!

Fui!

CompartilharTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

6 Comentários

  • vc1kk (#)
    16 de março de 2017

    Boa dica parceiro, o negócio é resolver as coisas quando forem aparecendo do que jogar para frente, assim evita grandes prejuízos….

    Abs

  • Stifler Pobre (#)
    16 de março de 2017

    Aqui eu chamo de registro !! Aliás todo mundo chama assim !!! Eu já tive exatamente o mesmo problema, eu comprei outra peça por uns 40 reais, gastei um pouco mais porque a casa é minha então queria uma peça que não iria se desgastar! A anterior achei a note fiscal (tinha reformado meu banheiro) entrei em contato com o fabricante e me enviaram uma nova peça !! Conclusao fiquei com 1 peça de reserva aqui em casa rs

    • Editor Poupador (#)
      20 de março de 2017

      ahahaha, muito bom Stiflão!

      Cara, seu comment tava nos SPAM, hoje que vi!
      Valeu, abs