Caridade: vale a pena dar seu dinheiro aos outros?


Olá leitor! Até que enfim voltei as postagens. Fiquei uns dias ausente devido à uma viagem (citada aqui muitas vezes) e também a um pequeno resfriado que peguei, pra variar. Mas enfim, hoje vou escrever um pouco sobre a caridade.

Todos nós devemos praticar a caridade, não importa o quão mão-de-vaca você seja. Economizar grana é uma obrigação de todos, lógico, mas fazer o bem ao próximo também é.

Não importa sua religião ou credo, ajudar ao próximo sempre é uma atitude louvável e, acredite, você receberá muito mais em troca.

Estou dizendo isso pois aconteceu algo muito interessante na minha viagem. Presenciei uma cena que me marcou muito. Um senhor estava pedindo grana no aeroporto. A grana ele usaria PARA ALMOÇAR. Pensem, galera. O cara não tem o que comer. Que tristeza! Então, ele pediu grana e a pessoa que estava próxima a mim deu cinquenta reais para o senhor. O senhor ficou super feliz e teve a humildade de responder: “Mas, senhora, e se eu não te achar para entregar o troco?”. Reflitam galera. O senhor estava pedindo esmola no aeroporto para se alimentar (naquela altura já eram 17 horas, e o cara não tinha comido NADA) e ainda queria devolver o troco para a pessoa que o ajudou.

No mesmo instante eu refleti comigo mesmo: “Eu estou viajando, realizando sonhos, gastando muita grana com comidas diferentes, passeios legais e badulaques inúteis, e esse senhor no auge da sua humildade está pedindo dinheiro para ALMOÇAR.” Me veio uma tristeza, mas ao mesmo tempo me veio a sensação de que todos nós temos que ajudar o próximo e fazer caridade sempre que possível. Não precisa ser muito dinheiro. Nem precisa necessariamente ser só dinheiro. Pode ser roupas, brinquedos, comida ou qualquer outro item que um necessitado precisa.

Uma coisa eu sei: tudo o que você dá volta em dobro para você. Isso serve tanto para o bem, quanto para o mal.

Os animais

Uma coisa que eu gosto de praticar muito é a defesa e ajuda aos animais. Desde criança sempre gostei de animais e atualmente tenho uma cadela que é apaixonante. Enfim, eu penso da seguinte maneira: acredito que não existe tanta gente no mundo que ajude crianças quanto as que ajudam pessoas, logo eu prefiro fazer minha caridade aos animais, na maioria das vezes. Não querendo comparar pessoas com animais, não é isso. Mas creio que nem tanta gente assim ajuda os bichinhos, por isso faço minha parte por esse lado também.

Ser mão-de-vaca ou praticar a caridade?

O que quero passar para vocês é: deixem de ser “muquiranas” quando o assunto é caridade. Ser mão-de-vaca tem limite. Como eu disse acima, economizar no supermercado ou economizar na anuidade do cartão é uma coisa, mas deixar de ajudar o próximo (seja ser humano ou até mesmo um animalzinho) daí já é crueldade.

Separe uma porcentagem do seu salário, dos seus ganhos, mesmo que seja mínima, para ajudar a quem precisa.

Não precisa por a mão no bolso

Além de tudo isso, você pode ser uma pessoa melhor sem ter que gastar com isso. Como comentei lá em cima, você pode fazer doação de suas roupas, cobertores, brinquedos ou outros itens já usados. Quem receber com certeza ficará muito grato.

 

Pessoal, desculpem a falta de formatação e esse texto longo e corrido. Estou tendo que resolver várias coisas desde que voltei de viagem e ainda estou com uma alergia que não passa. Foi difícil digitar tudo isso aqui.

Daqui dois dias tem mais postagens, prometo!

Abraço e bons investimentos a todos.

 

CompartilharTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

4 Comentários

  • Cowboy Investidor (#)
    25 de abril de 2017

    Olá MP,
    Eu dava dinheiro, mas hoje se me pedir para comprar comida eu pago a comida para a pessoa, pois vejo que muita gente nem compra a comida. Esse caso desse senhor aí é meio fora da curva.

    Abraços.

    • Editor Poupador (#)
      25 de abril de 2017

      E aí, Cowboy!

      Realmente, devemos ficar atentos! Esse senhor realmente pareceu estar com fome, uma pena. Não dá pra garantir né, mas espero que seja verdade!

      Abraços

  • Investidor Inglês (@investidorIn) (#)
    25 de abril de 2017

    Excelente Mestre!